web counter
                                                          Antioquia atual


Quando terminamos o planejamento estratégico da Missão Antioquia, em 2006, percebemos que
:

•Em parte, já fazíamos o que nos propúnhamos a realizar, porém as nossas decisões não estavam expressas, o que foi resolvido no planejamento.

•Estávamos entrando em uma nova fase. Consideramos que o lema anterior – Anunciar Sua glória entre as nações – ainda tinha valor, pois dar glória a Deus é o propósito de missões, mas concluímos que precisávamos estabelecer uma visão de acordo com as necessidades temporais que redundasse em glória a Deus.

•A nossa visão é: promover transformação através do Evangelho em áreas negligenciadas de Palavra e obra. Certamente, isso produz glória a Deus aqui e agora. Na prática, nem consideramos a possibilidade de haver somente obra. Para nós, é fundamental que haja proclamação com ação. Em primeiro lugar, a nossa proposta de mudança para o mundo é Jesus. Queremos ir além de boa administração, excelência executiva, marketing etc. Estes são fundamentos importantes de uma organização, mas não substituem Jesus e a salvação (transformação) que só Ele pode realizar.

Terminado o planejamento, que contou com a eficiente ajuda de David Ruiz, tivemos a clara sensação de cumprir bem uma tarefa. Era a sensação de que o Senhor estava conosco. Tivemos, então, um período de oração, que poderia ser somente uma formalidade, mas que foi além disso. Oramos, confiando o futuro da Missão Antioquia a Deus de acordo com os propósitos entendidos e expressos no planejamento. Tivemos convicção de que os nossos alvos seriam atingidos se Deus operasse e nos abençoasse e se fizéssemos um bom trabalho de equipe.


Início das respostas divinas

Nós sabíamos que tudo começaria a partir de mudanças no treinamento missionário e, então, iniciamos o processo de mudança. Três novos cursos foram implantados no Curso de Preparo Missionário (CPM): Esporte & Missões, Capacitação Missionária da Igreja Local e Desenvolvimento Comunitário.

Além disso, nós nos propusemos não somente a treinar, mas também a assessorar missionários e igrejas locais. Decidimos que a assessoria de projetos sociais caberia a pessoas e ministérios ligados à Missão Antioquia e colocados por Deus em nosso caminho para somar ao nosso trabalho. O mundo é grande e, por isso, temos necessidade de muitas parcerias.


Esporte & Missões

Já desenvolvíamos esse aspecto, proposto pelos missionários: Edinho, em Burkina Faso, Roberto, na Albânia, e, mais recentemente, José de Anchieta, também na Albânia. José de Anchieta, por exemplo, implantou uma escola de futebol para várias faixas etárias, o que resultou em uma igreja que já conta com a participação de 50 pessoas. Muitos estão sendo evangelizados.

A nossa intenção é dinamizar iniciativas como essa, e, com a ajuda do Marcos Grava, estamos conseguindo. O curso Esporte & Missões é ministrado no CPM e também a pessoas de outras igrejas e organizações.


Capacitação Missionária da Igreja Local

A grande solução para atingir esse alvo seria a implantação no Brasil do famoso curso de capacitação missionária Perspectivas, que já é ministrado em toda a América Latina. Esse curso seria ministrado tanto para alunos como para participantes especiais.

Finalmente, o curso, ministrado por Kevin Bradford, foi lançado em junho de 2008. Já em 2007 e no começo de 2008, Kevin ministrou no CPM uma versão menor do curso, chamada Dia da Descoberta. Desafiamos o Pr. Veloso a fazer o curso, pois este, somando o curso à sua experiência de pastor enviador, ajudaria muitas igrejas locais. Na prática, o Pr. Veloso seria professor e assessor de igrejas locais.


Desenvolvimento Comunitário

O fato de a Missão Antioquia estar inserida no contexto do Vale da Bênção somou ao nosso objetivo. A Associação Educacional e Beneficente Vale da Bênção (AEBVB), setor responsável pela área social do Vale, caminha na mesma linha, promovendo o curso de Desenvolvimento Comunitário em parceria com o Centro de Assistência de Desenvolvimento Integral (CADI). Nesse caso, bastou incluir os alunos no grupo e ajudar na divulgação do curso, pois, dessa maneira, atingimos o alvo do planejamento sem duplicar esforços.

Houve imediata identificação da Missão Antioquia com o CADI, e, por isso, além de ministrar no Vale para pessoas de várias organizações, o CADI também faz assessoria para projetos sociais da Missão Antioquia no campo. Com a ajuda do CADI, atingimos dois alvos: treinar e assessorar.

Pretendemos levar esse treinamento para missionários da Missão Antioquia e de outras organizações que estão em regiões carentes do mundo. Já demos início a esse projeto na Bolívia, em agosto de 2006, e pretendemos levá-lo para campos mais distantes, iniciando por Senegal, Burkina Faso, Moçambique e Angola.

Aproveitando a presença do CADI no campo, daremos assessoria aos projetos existentes. É claro que dependemos de milagres de Deus, pois esse projeto envolve custos com viagens, mas, como confiamos a realização dos alvos do planejamento à graça de Deus, esperamos por esses milagres. Os três cursos citados e os seus resultados já são milagres de Deus!


Limites do sucesso do planejamento

O sucesso pode ser obtido por muitos caminhos, porém não queremos que o sucesso da Missão Antioquia seja obtido a qualquer custo. Desejamos que o nosso sucesso tenha estas características:

•Não seja resultado da influência de uma única personalidade carismática e aglutinadora;
•Não seja evidenciado, em primeiro lugar, por habilidades humanas;
•Não ofusque os feitos de Deus, nem pela eficiência humana, por mais necessária que esta seja;
•Seja percebido como resultado da misericórdia e da graça de Deus, demonstradas na prática pela maneira como Ele responde as nossas orações, aproximando pessoas, provendo recursos e operando milagres;
•Não nos leve a dizer que fizemos isso ou aquilo, mas nos conduza a afirmar que o Senhor fez isso ou aquilo por nosso intermédio, independentemente de quem somos, mas dependentes de que o Senhor use Sua misericórdia para conosco;
•Seja visto como resultado de trabalho em equipe, na unidade do Senhor, para que o mundo creia;
•Faça o Senhor reconhecido e glorificado como Deus;
•Eleve menos pessoas e organizações e mais o nosso Deus, digno de honra e glória.

De fato, Deus tem nos abençoado, pois estamos atingindo os alvos propostos. Novos colaboradores foram adicionados. A viagem à Bolívia foi feita. Os últimos dois encontros com missionários transcorreram dentro da linha proposta pelo planejamento, o que também é verdade quanto às duas últimas conferências. Não é por acaso que os atuais 17 alunos do CPM estão mais bem capacitados do que os de outrora. Eles possuem perfil para desenvolver um bom trabalho no campo.

Esperamos pela atuação divina, continuando a colocar pessoas, ministérios, recursos e capacitação espiritual no nosso caminho. Juntos, trabalharemos pela transformação através do Evangelho em áreas negligenciadas de Palavra e obra. “Porque dele, e por meio dele, e para ele são todas as coisas. A ele, pois, a glória eternamente. Amém!” (Romanos 11:36).


Missão Antioquia
Contato
Como Chegar?